Chrome vai esconder endereço completo das páginas em experimento contra sites falsos

Chrome vai esconder endereço completo das páginas em experimento contra sites falsos
Google anunciou que Chrome 86 testará recurso para facilitar identificação do endereço da página. Logo do navegador Chrome, do Google

Reprodução

O Google anunciou que a vers√£o 86 do Chrome, programada para lan√ßamento no fim de agosto, realizar√° um experimento com alguns usu√°rios e esconder√° o endere√ßo completo (chamado de "URL") das p√°ginas, deixando apenas a parte principal (ou "domínio") do endere√ßo. O intuito é facilitar a identifica√ß√£o de p√°ginas falsas

Em ataques de phishing, o golpista quase sempre precisa convencer a vítima a visitar uma p√°gina falsa localizada em um endere√ßo diferente do que seria o correto. Essas p√°ginas clonadas usam as partes menos importantes do endere√ßo para incluir o nome da marca ou institui√ß√£o financeira representada no golpe e confundir a vítima, evitando que o site falso seja identificado.

Por outro lado, os usu√°rios n√£o ver√£o mais o link completo da p√°gina. Em um site como o G1, isso significa que a barra de endere√ßo mostrar√° sempre "g1.globo.com", mesmo ao visualizar uma notícia e n√£o apenas a p√°gina principal.

Para ver o link completo, o usu√°rio poder√° passar o mouse sobre a barra de endere√ßos. Também haver√° uma op√ß√£o para desativar o recurso e exibir sempre toda a URL, como é hoje.

Google Chrome vai esconder parte do endere√ßo das p√°ginas até que usu√°rio coloque o mouse sobre a barra de endere√ßos

Divulgação/Google

Para justificar esse experimento, o Google citou um estudo segundo o qual 60% dos usuários confundem a legitimidade das páginas quando o nome da marca aparece nessas partes menos importantes do endereço, que serão ocultadas.

Os navegadores modernos j√° destacam a parte do domínio do site, normalmente com um contraste diferente na fonte. A efic√°cia da medida do Google também pode ser reduzida com o uso de endere√ßos mais parecidos com o dos sites verdadeiros.

Caso o experimento seja bem-sucedido, é possível que a mudan√ßa apare√ßa para todos os usu√°rios em uma vers√£o posterior do Chrome.

Páginas 'rápidas' e segurança inadequada

O Google também anunciou que o Chrome vai alertar o usu√°rio quando a p√°gina visitada for considerada uma "p√°gina r√°pida". O Google vai utilizar dados coletados pelo Core Web Vitals, um método que avalia a qualidade do site com base nas velocidades de carregamento e intera√ß√£o de p√°ginas web.

A mudan√ßa vai aparecer no Chrome 85 Beta para Android. A navega√ß√£o em smartphones sofre mais do que a navega√ß√£o em desktops com p√°ginas lentas, tendo em vista que a qualidade das conex√Ķes com a rede celular nem sempre s√£o totalmente est√°veis.

Outro alerta deve aparecer em formul√°rios de p√°ginas seguras (HTTP) cujo conteúdo preenchido ser√° enviado a uma p√°gina sem seguran√ßa.

Esses dois indicativos visuais servem como incentivo para que os responsáveis pelas páginas web adotem práticas melhores na construção dos sites.

Dúvidas sobre seguran√ßa, hackers e vírus? Envie para [email protected]