Peres promete tempo para Jesualdo: "Vou segurar o máximo que puder"

Por Jornal do Porto em 29/02/2020 às 00:02:13

Perguntado sobre quanto tempo Jesualdo tem para dar sinais de evolução, Peres novamente defendeu o treinador, mas também não cravou a permanência do português.

"Olha, é o que eu disse, quando a bola não entra, tem algum problema. Mas eu vou segurar o máximo que eu puder, dando pra ele o máximo de tempo possível para se adaptar. E eu estou sentindo isso no treino já", seguiu. "Não garanto nem eu. Amanhã o clube faz um impcheament e eu estou fora", brincou.

Desde o início de 2020 no comando do Peixe, Jesualdo soma apena sete jogos pelo clube, com três vitórias, dois empates e duas derrotas. O clube da Vila Belmiro lidera o grupo A do Paulista com 11 pontos somados.

Questionado se o treinador superaria duas derrotas de peso, nos próximos jogos contra o Palmeiras pelo Paulistão e Defensa y Justicia pela Libertadores, o presidente se mostrou confiante.

"Eu acho que ele suporta até mais, se a gente sentir que o time está bem treinado. Agora, o time tem que correr. Para quem não se lembra, quando o Sampaoli esteve à frente do Santos, ele perdeu de cinco no começo, tomou de quatro, de três", relembrou Peres.

Pressionado, Jesualdo volta a comandar o Santos neste sábado, às 17h (Brasília), em clássico contra o Palmeiras no Pacaembu, válido pela 8ª rodada do Campeonato Paulista.

O post Peres promete tempo para Jesualdo: "Vou segurar o máximo que puder" apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Fonte: Gazeta Esportiva

Cavaliani

Comentários