Vigilância Epidemiológica alerta sobre acidentes com morcegos: cidade registrou 4 casos

O morcego é um transmissor de raiva e sua mordedura é considerada como grave

Por Redação JP em 13/02/2020 às 16:08:00

A Vigilância Epidemiológica de Porto Ferreira alerta a população sobre acidentes com mordedura de morcego no município. De janeiro até agora foram registradas quatro ocorrências.

O morcego é um transmissor de raiva e sua mordedura é considerada como grave. A pessoa que foi mordida deve procurar a Vigilância Epidemiológica para dar início ao tratamento com soro e vacinação.

A Vigilância orienta quem encontrar morcegos em casa ou no quintal para não pegá-lo com a mão. Se o animal estiver dentro de casa, abra a porta ou janela no período da noite e apague a luz que ele irá sair.

Caso o animal não saia de dentro da casa, colocar um balde ou bacia de boca para baixo, cobrindo o animal sem o machucar, colocar um papelão em baixo e arrastar para o quintal. Nunca tente pegar o morcego com sacola plástica, porque dessa forma é mais fácil acontecer acidente.

Se a pessoa tiver animal de estimação, deve prendê-lo para não entrar em contato com o morcego na hora de soltar.

Fonte: Assessoria de Comunicação, Cerimonial e Eventos

Cavaliani

Comentários