Projeto enxergando o futuro

Projeto Enxergando o Futuro O Projeto Enxergando o Futuro foi idealizado pela Empresária Daniela Reis Frontera, moradora da cidade de Duartina, interior de São Paulo. Daniela, aos 23 anos de idade, foi diagnosticada com a doença degenerativa Retinose Pigmentar e, então percebendo a perda da visão a cada dia começou a se alfabetizar no método braille e observou o quão difícil foi encontrar um profissional que pudesse dar aulas e auxilia-la no método braile. Daniela sempre esteve envolvida em projetos sociais no interior de São Paulo e mais uma vez sentiu-se comovida em ajudar as pessoas que tem pouco visão ou cegueira total a aprenderem a ler e escrever através do método braile. O Projeto, com pouco mais de um mês tornou-se referência na região de Duartina e cidades vizinhas, com aulas presenciais, para os deficientes visuais que tiveram o interesse no projeto, na sede a Assistência Social do município. Em novembro de 2019, contando com amigos e muita determinação, surgiu o sonhos de levar o Projeto Enxergando o Futuro mais longe, ensinando o método braile básico aos deficientes visuais a distância. Foi mais um desafio, criar uma plataforma totalmente acessível e gratuita para que os deficientes visuais pudessem iniciar a alfabetização através do método braile passo-a-passo. No início, houve algumas rejeições dizendo que ensinar o braile a distância não era possível, mas com pouco mais de 3 meses o Projeto ultrapassou a marca de 100 alunos deficientes visuais em praticamente todos os estados do Brasil e, os alunos estão aprendendo dia-a-dia a ler e escrever através do método braile, sentindo-se incluídos em uma nova realidade. Nosso Projeto é Social e gratuito para os alunos com deficiência visual, sendo cegueira total ou baixa visão, onde participam das aulas na plataforma de ensino, são direcionados para Grupos no whatsapp onde podem tirar suas dúvidas e postar suas tarefas para que os administradores possam fazer a correção do áudio e das imagens postadas, recebem folhas de papel com palavras escritas em braile para desenvolver o tato e o aprendizado e também contamos com aulas online para tirar suas dúvidas e exercitar a leitura e escrita com acompanhamento de voluntários, instrutores e professores. Hoje no Brasil são mais de 2 milhões de deficientes visuais, muitos foram alfabetizados pelo método braile, porém a grande maioria as vezes não tem condições de pagar por um curso de alfabetização ou não encontram lugares onde possam se desenvolver. E é neste ponto que entra o nosso sonhos de ajudar o maior número de deficientes visuais. Por ser um Projeto Social, contamos com doações de pessoas e empresas que defendem essa causa, tão justa, de levar a alfabetização do método braile básico ao maior número de deficientes visuais e que nos ajudem a divulgar o nosso Projeto para chegue para aqueles que mais precisam, os deficientes visuais. Acesse nossas mídias sociais, siga, curta e compartilhe com todos seus amigos, é a melhor forma de contribuir com os deficientes visuais. Instagram Página no Facebook Grupo no Facebook Nosso canal no Youtube Plataforma de ensino a distância

Comentários