Dependência em videogames afeta 28% dos jovens brasileiros, alerta psicanalista

Com dois milhões de novos jogos lançados em 2021, é importante buscar soluções para lidar com a dependência em videogames em um mundo cada vez mais conectado. Terapia e limites claros podem ajudar a superar o problema

Dependência em videogames afeta 28% dos jovens brasileiros, alerta psicanalista

A dependência em videogames é uma doença que tem recebido cada vez mais atenção da Organização Mundial da Saúde (OMS). De acordo com uma pesquisa realizada no Brasil, 28% dos jovens brasileiros sofrem com essa condição, o que é uma estatística preocupante.

No entanto, a psicanalista Andrea Ladislau alerta que, mais importante do que apontar o problema, é a busca de soluções em um mundo cada vez mais conectado. Com o lançamento de dois milhões de novos aplicativos e jogos em 2021, é importante pensar em como lidar com a dependência em videogames de forma efetiva.

Existem muitas causas que podem levar uma pessoa a se tornar dependente de videogames. Muitas vezes, a busca por distração e entretenimento em um mundo cada vez mais estressante pode ser um fator. Outras vezes, a solidão e a falta de conexão social também podem ser responsáveis.

Independentemente da causa, é importante que os pais, educadores e profissionais de saúde estejam atentos aos sinais de dependência em videogames. Entre eles, destacam-se a irritabilidade, a ansiedade e a dificuldade em se afastar do jogo.

Para lidar com a dependência em videogames, é necessário buscar ajuda profissional. A terapia pode ajudar a identificar as causas subjacentes da dependência e fornecer ferramentas para lidar com o problema. Além disso, é importante estabelecer limites claros para o tempo gasto jogando e incentivar a busca por outras atividades e conexões sociais.

Em resumo, a dependência em videogames é uma doença reconhecida pela OMS e que afeta muitos jovens brasileiros. No entanto, é importante não apenas apontar o problema, mas também buscar soluções efetivas para lidar com ele em um mundo cada vez mais conectado. Com a ajuda de profissionais de saúde e a criação de limites claros, é possível superar a dependência em videogames e recuperar a qualidade de vida.

Acompanhantes Goiania