Cientistas descobrem como usar a luz para acelerar a impressão 3D

Cientistas descobrem como usar a luz para acelerar a impressão 3D

Cientistas de uma universidade na Su√≠√ßa, a Escola Politécnica Federal de Lausana, descobriram uma forma de acelerar a impress√£o 3D, criando objetos em tempo recorde, em uma quest√£o de segundos. O método consiste no princ√≠pio da tomografia, uma técnica que mostra a representa√ß√£o de uma se√ß√£o transversal através de um objeto sólido, com o uso de raios-x ou ultrassom.

Para a cria√ß√£o de um objeto, a nova impress√£o vai usar uma resina fotossens√≠vel que é iluminada através de v√°rios √Ęngulos, fazendo com que o ac√ļmulo de luz ajude na solidifica√ß√£o da resina. No caso da impress√£o tradicional, a forma√ß√£o do objeto acontece segmento por segmento.

Imagem: Reprodução/EPFL

Paul Delrot, CTO da empresa Reality3D, que foi escolhida para desenvolver o sistema e coloc√°-lo no mercado, conta que é tudo uma quest√£o de saber usar a luz. "O laser endurece o l√≠quido através de um processo de polimeriza√ß√£o. Dependendo do que estamos construindo, usamos algoritmos para calcular exatamente onde precisamos mirar os feixes de luz, de quais √Ęngulos e em qual dose", explica.

-
Feedly: assine nosso feed RSS e n√£o perca nenhum conte√ļdo do Canaltech em seu agregador de not√≠cias favorito.
-

Essa tecnologia pode ser aplicada em v√°rias √°reas, principalmente por médicos especialistas, sendo usada para a cria√ß√£o de objetos macios como tecidos, órg√£os, aparelhos auditivos e protetores bucais, por exemplo. Além disso, a contamina√ß√£o é evitada pela impress√£o poder ser feita dentro de recipientes esterelizados e selados.

O sistema é capaz de criar estruturas de dois cent√≠metros, com precis√£o de 80 micr√īmetros, aproximadamente o mesmo di√Ęmetro de um fio de cabelo. No futuro, a equipe acredita na expans√£o para 15 cent√≠metros. Christope Moser, chefe do laboratório de dispositivos fot√īnicos da universidade, conta ainda que pequenas pe√ßas de silicone ou acr√≠lico podem ser constru√≠das com a nova tecnologia, sem precisar de acabamento final.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech: