Na terça-feira (19) a Polícia Militar de Porto Ferreira prendeu um rapaz de 21 anos em sua casa, no Jardim Paschoal Salzano, após ele postar em sua conta do Facebook uma foto portando artefato que supostamente poderia ser uma arma.

Na postagem, o rapaz escreveu na legenda da foto em que aparecia com a suposta arma na cintura: “DEU VONTADE DE JOGAR FREE FIRE, PARTIU ESCOLHER ALGUMA ESCOLA EM PORTO PRA NÓIS BRINCA. #eZueiraViu kkkk”. A postagem foi feita após o massacre ocorrido na escola Raul Brasil, em Suzano (SP), em que adolescentes mataram alunos e se suicidaram.
Diante da publicação e da possibilidade de a arma ser verdadeira, foi feito contato com o Ministério Público e informado o fato. Foi expedido um mandado de busca e apreensão na residência, sendo cumprido e localizados vários objetos.
Os objetos apreendidos foram: uma espingarda de pressão, um simulacro de revólver, uma réplica de fuzil, duas lunetas para armas, um coldre de perna para pistola, uma faca e um simulacro de pistola Glock.
Diante dos fatos, o autor da postagem e outro morador da casa, que é seu irmão, foram levados para a Delegacia de Polícia, sendo elaborado o Boletim de Ocorrência para demais providências. Os objetos foram apreendidos.
Em sua alegação, o autor da publicação disse que as pessoas se enganaram sobre sua postagem. Já o irmão disse que desconhecia a postagem e que os objetos eram seus. As partes foram liberadas e responderão às investigações em liberdade.

0
0
0
s2sdefault