De acordo com a imprensa regional, o Grupo São Francisco, de Ribeirão Preto, foi comprado pela operadora de saúde Hapvida, de Fortaleza (CE), por R$ 5 bilhões. A transação foi confirmada pelas duas empresas. Agora, a ANS (Agência Nacional de Saúde) e do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) precisam aprovar a transação, que também deve ser submetida a uma aprovação da assembleia geral de acionistas.

O Grupo São Francisco se instalou com uma unidade em Porto Ferreira após adquirir, em 2016, a empresa ferreirense MedPorto, que também atuava no ramo de convênios médicos. A sede da empresa fica na rua Bento José de Carvalho, 315, no Centro.
Apenas 5% do valor da compra será pago em ações da Hapvida aos acionistas do São Francisco. A operadora de Fortaleza tem R$ 3 bilhões em caixa, e emitirá uma dívida de R$ 2 bi para financiar a compra. Por meio de um comunicado, a operadora informou que o preço de aquisição será pago à vista no valor R$ 4,7 bilhões, e o restante será pago com a aquisição de equipamentos e ações na bolsa.
“Com a efetivação da Operação, a Companhia assumirá a liderança nacional em número total de beneficiários, dando continuidade aos planos de expansão apresentados à época de sua oferta pública inicial, tornando-se uma operadora de abrangência nacional, com posição de liderança principalmente no interior das regiões Sudeste e Centro-Oeste, a ampliação de sua presença na região Sul, além de sua já consolidada liderança na região Norte e Nordeste”, diz comunicado da Hapvida ao investidores de mercado. Com a compra, a operadora, forte no Ceará, conseguirá entrar no mercado do interior paulista.
Segundo o comunicado oficial divulgado pela empresa, a Hapvida, com a aquisição de cerca de 1,8 milhão de clientes do Grupo São Francisco, formará a maior operadora do país, servindo mais de 5,8 milhões de beneficiários, em todas as regiões. “O Sistema Hapvida tem sua expertise para crescer fora das Regiões Norte e Nordeste do País. As duas empresas têm culturas semelhantes e faremos um trabalho de regionalização muito forte a partir de agora. Com uma proposta de verticalização inteligente, seremos uma empresa brasileira para atender com eficiência, em todo o País. Esse sempre foi nosso grande sonho e, agora, estaremos juntos com a equipe da São Francisco, que virá a somar com a nossa missão de democratizar a saúde de qualidade, com acolhimento e eficiência em custos”, explica Jorge Pinheiro, presidente do Hapvida.
Ainda segundo o comunicado, a companhia afirma que seguirá com “o compromisso de melhorar a vida de milhares de pessoas através da prestação de serviços de saúde de excelência, com foco exclusivo no melhor interesse do beneficiário. Caso aprovada, a presente operação permitirá ao Hapvida plena capacidade de democratizar o acesso à saúde de qualidade para milhões de brasileiros em todo o país”.
Em dezembro, o Grupo São Francisco negou que estivesse à venda após a informação ter sido veiculada por reportagem do jornal “O Estado de São Paulo”. A companhia do setor de saúde afirmou, por meio de comunicado, que não procedia a notícia de que seus acionistas teriam contratado um banco para intermediar o negócio.
Perfil – No mercado há mais de 70 anos, o Grupo São Francisco começou com a inauguração do Hospital São Francisco, em setembro de 1945, em Ribeirão. O grupo, que tem 1,8 milhão de clientes, é composto pelo Hospital São Francisco, o maior hospital particular de alta complexidade Ribeirão Preto e região; a São Francisco Saúde, uma das maiores operadoras de planos de saúde do país; a São Francisco Odontologia, operadora de planos odontológicos de grande porte; a São Francisco Resgate, uma das maiores empresas do setor de resgate rodoviário, além da São Francisco Saúde Ocupacional.
A história do Hapvida Saúde começou em 1979, quando o médico oncologista Cândido Pinheiro de Lima inaugurou o Hospital Antonio Prudente. Desde o início das operações, até os dias de hoje, a unidade é considerada uma das mais importantes de Fortaleza. Hoje, a operadora de saúde tem cerca de 4 milhões de clientes, com 27 hospitais.

0
0
0
s2sdefault