A Divisão de Meio Ambiente da Prefeitura de Porto Ferreira, em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania, vai dar início ao Programa Municipal de Coleta Seletiva. A iniciativa faz parte das metas constantes do programa de governo do prefeito Rômulo Rippa.
O programa vai ter início pela coleta nos prédios públicos e posteriormente deverá ser expandido para toda a cidade.

A Divisão de Meio Ambiente também vai abrir um período para cadastramento de catadores de material reciclável. O cadastro ocorrerá de 1º a 26 de outubro, no Cadastro Único, localizado à rua João Mutinelli, 545, Centro, próximo ao prédio do INSS. Os interessados deverão se inscrever e receberão uma formação e suporte dos programas sociais já existentes no município.
A coleta seletiva é o primeiro e o mais importante passo para fazer com que vários tipos de resíduos sigam seu caminho para reciclagem ou destinação final ambientalmente correta, pois o resíduo separado corretamente deixa de ser lixo.
“Este programa será muito importante para a sociedade. Além de gerar renda para várias pessoas e economia para as empresas, também significa uma grande vantagem para o meio ambiente, uma vez que diminui a poluição dos solos e rios. Dessa maneira possibilitamos o maior aproveitamento do resíduo, que antes era descartado e como consequência do seu não aproveitamento aumentaria a quantidade de lixo, causando grandes problemas ambientais”, disse o prefeito Rômulo Rippa.
Fonte: Assessoria de Comunicação, Cerimonial e Eventos - Prefeitura de Porto Ferreira

0
0
0
s2sdefault

Jornal do Porto TV