Porto Ferreira está ganhando seu primeiro ecoponto hoje (11/06), no Jardim Primavera. O local, que fica na esquina das ruas João Mutinelli e Manoel da Silva Oliveira, ao lado do Almoxarifado Municipal, será denominado Ecoponto da Região Central.
Os ecopontos são unidades de recebimento de resíduos sólidos oriundos de pequenos geradores. Nesta semana passada o prefeito Rômulo Rippa baixou o decreto 672/18, que regulamenta o funcionamento dos ecoponto.

Segundo o documento, os ecoponto serão equipamentos públicos de pequeno porte para recepção de resíduos provenientes de construção civil, de poda de árvores e capina, ou outros tipos de materiais domiciliares, entregues de forma voluntária pelos cidadãos ou por pequenos transportadores, diretamente contratados pelos geradores.
A operação das unidades ficará sob a responsabilidade da Secretaria de Infraestrutura, Obras e Meio Ambiente (Sioma). O horário de funcionamento será das 7h30 às 16h30, de segunda a sexta-feira, e das 7h30 ao meio-dia, aos sábados.
Não será permitido nos ecopontos o recebimento de resíduos oriundos de unidades de saúde, de indústrias, perigosos ou tóxicos, em qualquer quantidade, assim como os resíduos orgânicos domiciliares.
Os resíduos de construção serão aqueles derivados de pequenas obras, reformas, reparos etc., cujo volume não ultrapasse o limite máximo de 1 m3 por descarga. Outros resíduos, como móveis e equipamentos domésticos, grandes embalagens e peças de madeira, ou mesmo resíduos vegetais provenientes da manutenção de áreas verdes privadas e outros, também terão volume máximo de 1 m3.
“Este é mais um avanço em nossa política de gerenciamento de resíduos sólidos, que vai também ao encontro de nosso plano de governo. Gradativamente iremos implantar os ecoponto nas principais regiões da cidade”, destacou o prefeito Rômulo Rippa na semana passada, ao assinar o decreto.
Fonte: - Assessoria de Comunicação, Cerimonial e Eventos - Prefeitura de Porto Ferreira

0
0
0
s2sdefault

Jornal do Porto TV